Vídeo da Rua Sésamo sobre antónimos (opostos)

Gualter: ... então que um monstro giro, peludo como eu ia gostar de cantar?

Becas: Oh, é uma ótima canção, Gualter. É muito divertida, faz o oposto de tudo o que eu fizer. É como um jogo.

Gualter:  Ah, e eu adoro jogos musicais!

Becas: Muito bem, cá vamos nós. Faz o oposto. Esta caixa está vazia.

Gualter:  Oh, já percebi. Esta caixa está cheia.

Becas: Muito bem, Gualter. A minha é fácil de empurrar.

Gualter:  E a minha é difícil de puxar... Estou aqui em baixo.

Becas: E eu aqui em cima. Olá, Gualter! Eu estou parado.

Gualter:  Eu vou correr até ficar cansado...

Becas: O meu brinquedo está inteiro.

Gualter:  O meu está partido em dois.

Becas: Tenho imensas bolachas.

Gualter:  E eu tenho poucas...

Becas: ‘Tou quente e seco.

Gualter:  Eu estou todo molhado...

Becas: Sinto-me mesmo bem!

Gualter:  Eu não estou a sentir-me nada bem, bolas...

Becas: Desculpa, Gualter, só mais um. Esta pena é leve.

Gualter:  Este sofá pesa uma tonelada...

Becas: Os opostos não são tão giros?

Gualter:  Não os acho assim tão giros...

Becas: Eu estou a deslizar.

Gualter:  Enquanto eu tenho de trepar...

Becas: O jogo vai acabar...

Gualter:  Já estou farto de me cansar...

Becas: Agora vamos repetir! Vá lá, Gualter!

Oh, não!!!....